14
dez
07

Tropa de Elite

tropa-de-elite.png

logo.PNGTropa de Elite é o filme nacional mais comentado dos últimos tempos. A história relata a realidade de um mundo caótico, onde não sabemos ao certo a diferença entre polícia e bandido, e nos deparamos com cidadãos cheios de conhecimento e oportunidades, cooperando com o poder paralelo, para logo em seguida, ser vítima deles.

Hoje, em todos os lugares que andamos, somos abordados por frases extraídas do filme, como por exemplo: – Pede pra sair!!

– Olha o saco!!

– Minha farda é preta, parceiro!!

– O sr. é um fanfarrão!!

Você é o novo xerife!!!

Entre outras 

O filme, apesar recheado de cenas violentas, é de boa qualidade e com história atraente, mas acredito que o fator que eleva sua popularidade, não é apenas isto, mas sim o grande número de cópias piratas que eram vendidas pelas ruas meses antes de sua estréia no cinema, sem contar as que já estavam disponíveis na internet, claro!

Não consigo compreender muito bem a logística da pirataria, mas existem fatos intrigantes em relação as versões piratas deste filme. Normalmente, um filme estréia no exterior, e logo alguém entra com uma câmera nas salas de cinemas, grava todo o filme e em seguida coloca o arquivo para circular na internet, e como uma verdadeira praga, em instantes milhares de pessoas tem acesso ao vídeo, que pode ser facilmente legendado, por programas gratuitos disponíveis na própria internet facilitando ainda mais sua proliferação. Até este ponto dá para entender, porque até então, nunca ouvi falar de um filme que tenha chegado a internet em versões piratas, antes de estrear nos cinemas. Agora o que será que aconteceu com o Tropa de Elite?

Se o filme é nacional e ainda não tinha estreado, como ele chegou primeiro nos camelôs e na rede? Será que os produtores do filme usaram uma estratégia de “marketing de emboscada” (Marketing de emboscada é uma estratégia que consiste em tirar proveito publicitário invadindo um evento ou espaço de um veículo de comunicação sem amparo contratual com os detentores do direito)? Mas eles seriam os mais prejudicados… Não dá para entender, não é mesmo?!

Em Jeremias 22:13 lemos a seguinte passagem: “Ai daquele que edifica a sua casa com injustiça, e os seus aposentos sem direito, que se serve do serviço do seu próximo sem remunerá-lo, e não lhe dá o salário do seu trabalho.” Aqui, lemos claramente uma advertência, para não utilizarmos da opressão do próximo para interesses pessoais. Isso inclui não apenas os ganhos financeiros, mas também todas as áreas de nossas vidas, desta forma, não só quem comercializou, mas também quem só assistiu a versão pirata do filme foi injusto com os donos dos direitos autorais do filme, que deixaram de ganhar o que era devido nas exibições do cinema.

Do versículo 20 ao 26, do capítulo 20 do evangelho de Lucas, lemos a seguinte passagem:

“E, observando-o, mandaram espias, que se fingissem justos, para o apanharem nalguma palavra, e o entregarem à jurisdição e poder do presidente. E perguntaram-lhe, dizendo: Mestre, nós sabemos que falas e ensinas bem e retamente, e que não consideras a aparência da pessoa, mas ensinas com verdade o caminho de Deus. É-nos lícito dar tributo a César ou não? E, entendendo ele a sua astúcia, disse-lhes: Por que me tentais? Mostrai-me uma moeda. De quem tem a imagem e a inscrição? E, respondendo eles, disseram: De César. Disse-lhes então: Dai, pois, a César o que é de César, e a Deus o que é de Deus. E não puderam apanhá-lo em palavra alguma diante do povo; e, maravilhados da sua resposta, calaram-se.”

Podemos contextualizar esta passagem com a situação apresentada neste texto, pois vemos claramente que todos esperavam uma postura correta de Jesus (que não podia ser diferente), e mesmo vivendo em uma situação de opressão, como o pagamento de imposto ao império romano, Jesus afirma que devemos obedecer as leis estabelecidas e entregar o que é solicitado. Esta atitude de Jesus maravilhou as pessoas que estavam com ele, pois representava um comportamento correto e livre de corrupção, desta forma, enquanto cristãos, devemos aprender com esta lição e entregar o que é de devido aos donos, independente de como e quanto for. A palavra de Deus diz que a nossa justiça deve exceder em muito a dos escribas e a dos fariseus. Jesus afirma que não veio para revogar a Lei, mas sim para cumpri-la.

Acredito que com o surgimento da mídia virtual, as políticas de direitos autorais devem ser completamente alteradas, pois hoje, não se tem mais controle da utilização das obras, principalmente quando os arquivos estão na internet. Música, é um bom exemplo deste tipo de ação. Milhares e milhares de músicas circulam em sites para download, sem o consentimento dos autores das canções. A principal desculpa dos usuários é o alto valor das obras originais, bem como a situação financeira dos autores das obras. Mas isto de forma alguma justifica tais ações, afinal se a situação fosse invertida, é certo que o discurso seria completamente diferente, e lembrando da passagem de Lucas, devemos entregar a César o que é dele.

Existe uma parte do filme que fica bem claro, que os usuários de drogas são parceiros dos traficantes e consequentemente co-autores de todos os crimes que ocorrem em função destas práticas ilegais. Desta forma, será que quem assiste e dissemina materiais piratas, não são parceiros deste crime?

Que o Senhor perdoe nossos pecados e nos ajude a afastar das nossas transgressões!

Abraços


0 Responses to “Tropa de Elite”



  1. Deixe um comentário

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


"Lembrem-se dos primeiros dias, depois que vocês foram iluminados..." Hebreus 10:32
dezembro 2007
D S T Q Q S S
« nov   jan »
 1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
3031  

Categorias


%d blogueiros gostam disto: