Arquivo para 22 de fevereiro de 2008

22
fev
08

O Chamado de Abraão

chamado-de-abraao.png

logo.PNGNo capítulo 12 do livro de Gênesis, lemos um dos diversos relatos da intervenção de Deus na história do homem. Ali, conhecemos a história de Abrão, que mais tarde teria seu nome trocado para Abraão, e recebeu um chamado para ir a uma nova terra:

Então o Senhor disse a Abrão: ‘Saia da sua terá, do meio dos seus parentes e da casa de seu pai, e vá para a terra que eu lhe mostrarei‘” (Gn 12:1).

Este chamado à Abrão significava o início de algo completamente desconhecido. Acredito que Abrão possuía uma vida estável, tinha uma família estruturada (…seus parentes), provavelmente possuía bens (…sua terra), e no momento em que ele recebeu este chamado, teve que decidir entre o conhecido e o novo, entre permanecer em sua terra com seus parentes, ou tender o chamado de um Deus até então desconhecido e peregrinar em busca de um terra também desconhecida.

No versículo 4 lemos que Abrão atendeu prontamente este chamado. Sua decisão estaria então, completamente fundamentada em fé, uma vez que naturalmente falando, não possuía garantia alguma das promessas que ouviu.

Após chamá-lo, Deus lhe fez a seguinte promessa:

Farei de você um grande povo, e o abençoarei. Tornarei famoso o seu nome, e você será uma bênção. Abençoarei os que o abençoarem e amaldiçoarei os que o amaldiçoarem e por meio de você, todos os povos da terra serão abençoados” (Gn 12:2, 3).

Desta passagem, podemos extrair sete elementos, que veremos a seguir com maiores detalhes.

Farei de você um grande povo..” (Gn 12:2)

Esta é uma promessa que foi reafirmada diversas vezes a Abrão (Gn 12:7; 13:16; 15:5; 17:4; 18:18; 22:17; 26:4 entre outras). Um grande povo, referencia a grandeza do Deus que Abrão passaria a servir, diz também sobre separação dos demais povos, um povo escolhido e separado para Ele, por isso a necessidade de sair da terra que Abrão permanecera até então. Desta forma, algo novo começava.

… o abençoarei.” (Gn 12:2)

A bênção de Deus a Abrão e seu povo significa a proteção e provisão necessárias aos separados por Ele. Bênção diz respeito a soberania divina daquele que tem o controle de todas as situações, e é capaz de intervir na história e circunstâncias em favor do seu povo.

Tornarei famoso o seu nome…” (Gn 12:2)

Acredito que tornar o nome de Abrão conhecido é conseqüência direta da bênção do Senhor. A partir do momento que somos abençoados, nos tornamos testemunho vivo da ação de Deus. Não nos tornamos melhores que os outros, mas sim, objetos da ação de Deus, que contraria o natural / normal, o que conseqüentemente atrai a atenção e até mesmo a curiosidade dos outros

….você será um bênção” (Gn 12:2)

A atração das pessoas, proporciona sermos bênção as outras pessoas, replicando a bênção recebida pelo Senhor. Um dos principais motivos de sermos abençoados é par que possamos abençoar, é para sermos verdadeiros instrumentos de Deus na terra.

Abençoarei os que o abençoarem…” (Gn 12:3)

Enxergo muito em este ponto, como o que acontece com o eco. A mesma coisa que é dita, é retribuída com a mesma intensidade, porém em maior quantidade. Isso também é proteção do Senhor, e reflete o seu cuidado conosco.

… amaldiçoarei os que o amaldiçoarem.” (Gn 12:3)

Isso é o oposto do item anterior, e não poderia ser diferente. Imagine uma estrada de mão dupla com sentidos opostos. Se percorrendo uma direção chegamos em um determinado local, seguindo a direção contrária chegamos no destino oposto ao primeiro, não tem outra saída se abençoamos, somos abençoados, se amaldiçoamos, somos amaldiçoados.

… por meio de você todos os povos da terra serão abençoados.” (Gn 12:3)

Em Gênesis 1:28, lemos a bênção de Deus sobre a humanidade, ali representada por Adão e Eva, neste sentido, esta bênção estava sendo restaurada por meio de Abrão e sua descendência, uma vez que Adão e Eva optaram pelo pecado.

Estes são os sete elementos de uma promessa que também está sobre nossa vida hoje, conforme afirma Pedro em sua pregação no templo após o Pentecostes: “E vocês são herdeiros dos profetas e da aliança que Deus fez com seus antepassados. Ele disse a  Abraão: ‘ Por meio da sua descendência todos os povos da terra serão abençoados’ ” (At 3:25) e também Paulo, em sua carta enviada às igrejas da Galácia: “Prevendo a Escritura que Deus justificaria os gentios pela fé, anunciou primeiro as boas novas a Abraão: ‘ Por meio de você todas as nações serão abençoadas’. Assim, os que são da fé são abençoados junto cm Abraão, homem de fé” (Gl 3:8).

Desta forma, já somos abençoados para abençoarmos toda a terra, levando o evangelho e as boas novas de Cristo.

Eu desejo a bênção de Deus e também desejo abençoar, a começar por você que lê este texto.

Deus te abençoe sempre!

Abraços!

Anúncios



"Lembrem-se dos primeiros dias, depois que vocês foram iluminados..." Hebreus 10:32
fevereiro 2008
D S T Q Q S S
« jan   mar »
 12
3456789
10111213141516
17181920212223
242526272829  

Categorias